“Habemus color!” – As cores de 2016, segundo a Pantone

Depois de uma semana muito louca, em que eu tive que ficar afastada do blog, eu voltei para escrever o tradicional post da cor que irá bombar próximo ano, segundo a Pantone. E, pela primeira vez na história da empresa, duas cores compõem a aposta para 2016. Uma vocês já conhecem, é o Rosa Quartzo, que eu já falei aqui. A novidade agora fica por conta da Serenity, um azul bem clarinho que veio para ornar com a outra tonalidade também pastel.

O que faz um cabelo ser liso ou cacheado? – Beauty for Dummies

cabelo liso cacheado ondulado

Se você é uma pessoa tão curiosa quanto eu, com certeza já parou pra se perguntar porque existem cabelos cacheados, ondulados ou lisos. Claro que o que determina se uma pessoa vai nascer com um certo tipo de fio são os genes herdados dos pais, mas assim como a cor da pele vai variar de acordo com a quantidade de melanina, a diferença entre um cabelo mais crespo e outro mais liso está no número de ligações de enxofre. Sim, enxofre, você não leu errado.

Half bun, o penteado hit do verão europeu

O post de hoje é rapidinho, só pra falar de um penteado que estourou no verão europeu: o half bun. Sim, esse meio coque bem bagunçadinho está fazendo sucesso, o que é ótimo, afinal ele é prático, dá certo em todo cabelo e é ótimo pros dias de calor e, principalmente, para os bad hair days.
Eu separei algumas maneiras de usar logo abaixo, confiram:No alto

half bun
Foto 1: One Big Floordobre- Foto 2: Pinterest – Foto 3: The Hair Class

É perfeito para as mais moderninhas. Notem como também dá certo até em cabelos curtinhos.

Médios 

half bun
Foto 1: Pinterest – Foto 2: Getty Images –  Foto 3: Cosmopolitan

É o mais certinho de todos, dá certo até em ambientes mais formais. Prova disso é a atriz Kate Mara já usou até no Red Carpet.

Baixos 

half bun
Foto 1: Treasures & Travels – Foto 2: Brit+Co – Foto 3: Pepe Leon

Para as mais despojadas, esse é super prático e perfeito para quem está com pressa.

Masculinos 

half bun
Foto 1: PopSugar – Foto 2: Tumblr – Foto 3: Pinterest

E que disse que ele é só para mulher? Depois de Jared Leto, têm cada vez mais homens entrando na onda do half bun.

Gostou do post? Então compartilha nas redes sociais aqui em baixo e não esquece de deixar um comentário. Beijo! 

Rosa Quartzo – Inspiração

A Pantone (de quem eu já falei aqui), lançou uma paleta de cores que são apostas para a Primavera, e dentre elas a que mais se destacou foi a Rose Quartz, um rosa bem clarinho, tom pastel. Selecionei algumas inspirações nessa cor, pra já entrar no clima da estação, confiram:

 

 

Imagens retiradas do Pinterest
Gostou do post? Então curta a página no Facebook e deixa um comentário. Beijo! 

 

O Cronograma Capilar – Beauty for Dummies

 
Novo conceito de recuperação para cabelos, o cronograma capilar funciona como uma espécie de planejamento, visando o tratamento completo dos fios. A restauração é feita com base em três etapas: hidratação, nutrição e reconstrução, e não, elas não são a mesma coisa. É importante entender o que cada uma faz pelo seu cabelo para saber em qual você precisa focar mais.
 
1. Hidratação
 
Como o nome já diz, a hidratação repõe a água dos fios e é ótima para cabelos sem brilho, ressecados e armados. São os produtos mais fáceis de encontrar pra vender, mas cuidado: as classificações que aparecem nas embalagens dos cosméticos são uma confusão, e não têm lá muito critério. É melhor seguir essa tabelinha abaixo que contém as principais sustâncias, com ela não tem erro. 🙂
 

2. Nutrição


A nutrição traz reposição lipídica aos fios. Sem ela o cabelo fica cheio de frizz e sem balanço, por isso é bastante comum achar substâncias nutritivas em produtos para cabelos lisos, o que não quer dizer que quem tenha cabelo cacheado não possa usar, muito pelo contrário, elas alinham os fios e dão mais brilho.

3. Reconstrução
 
Aquele cabelo bem detonado, quebradiço e ralo que passou por processos químicos geralmente precisa de uma boa dose de reconstrução, que repõe a proteína dos fios. A queratina e os aminoácidos são essenciais para reconstruir o cabelo, mas outras substâncias também podem ajudar. Apesar de ser uma etapa muito importante, não se pode exagerar na reconstrução e nem ir direto pra ela sem antes fazer pelo menos uma hidratação e uma nutrição, pois a queratina em excesso pode ser prejudicial aos fios.

 

Se tiverem mais alguma dúvida é só comentar, ok? Beijo!

 

Entenda a polêmica dos shampoos com sulfato – Beauty for Dummies

Lembram quando os shampoos com sal (no caso, o cloreto de sódio) viraram os inimigos número um dos nossos fios e logo eles saíram das prateleiras? Agora surgiu um novo ingrediente na nossa lista negra: o sulfato. Mas afinal, o que é isso?
Sulfatos são ingredientes detergentes que promovem uma limpeza potente nos fios. Até aí não tem problema, mas o que pouca gente sabe é que nessa “limpeza” vários nutrientes importantes dos nossos cabelos são varridos também. Como resultado, os cabelos podem ficar sensibilizados, quebradiços e ressecados. Também vão desbotar mais fácil se o cabelo possuir algum tipo de coloração.
shampoos com sulfato

Marilyn fazendo propaganda do lançamento do momento…o shampoo em forma de loção! Ainda bem que os cosméticos evoluem, não é gente? kk

Todos os shampoos possuem detergentes, a indústria farmacêutica nunca encontrou outra de desengordurar os cabelos se não com eles, mas isso não significa que não possamos procurar por ingredientes menos agressivos na hora de limpar os fios. Aí que entra o tal No/Low Poo.
O Low Poo é sucesso principalmente entre aquelas que possuem os cabelos cacheados, que são as que mais sofrem com a presença dos sulfatos mais agressivos nas fórmulas dos shampoos. Na técnica procura-se promover a limpeza dos fios sem esses ingredientes ou até mesmo com sulfatos mais leves (o Low Poo também defende o não uso ou o uso moderado de petrolatos na fórmula dos cosméticos, mas isso já é assunto pra outro post).
Já o No Poo abole totalmente o uso de sulfatos, petrolatos e silicones insolúveis, na minha opinião, uma solução meio que radical demais para o problema.
shampoos com sulfato

Você é daquelas que mede a qualidade de um shampoo pela quantidade de espuma que ele faz? Pois saiba que quanto mais espuma, maior a presença de sulfatos agressivos na composição.

E como saber se o shampoo possui sulfatos ou não? O Lauril Sulfato de Sódio, Lauril Sulfato de Amônio e o Lauril Éter Sulfato de Sódio são os mais comuns da indústria farmacêutica. O Sodium Coco/ Cocoyl Sulfate é um sulfato suave com 50% de óleo de coco na fórmula, por isso está liberado. Os Sulfosuccinates também entram na categoria de sulfatos menos agressivos. 😉

Vários shampoos nacionais como o Amend Eco Therapy, Éh Orgânico e os de várias linhas infantis como Natura Mãe e Bebê e Johnson’s Baby Cheirinho Prolongado estão liberados. Já das marcas internacionais o Deva Curl No Poo e o Low Poo, o L’oréal Professionnel Absolut Repair Cellular Cleansing Balm e o Schwazkopf BC Color Save Shampoo são boas pedidas.

E vocês, o que acharam dessa nova onda de shampoos sem sulfato? Comentem aqui embaixo, beijos!